Antecipação de crédito ou recebíveis: o que é?

 Em Factoring

Em um mercado cada vez mais competitivo, manter seu negócio operando plenamente é imprescindível. Por isso, empresários estão sempre em busca de ferramentas estratégicas de gestão financeira para garantir vantagens sobre a concorrência. Mas o que poucos empreendedores conhecem no Brasil é a antecipação de crédito ou recebíveis.

Essa modalidade oferece boas vantagens para pequenos e médios empresários, e pode ser uma alternativa para garantir o fluxo de caixa do seu empreendimento em momentos estratégicos. Confira neste post o que é e como contratar esse serviço.

O que é antecipação de crédito ou recebíveis?

É uma modalidade de obtenção de capital de curto prazo. Basicamente, o empreendedor vai receber imediatamente a receita que ele possui em vendas à prazo, duplicatas, contratos e cheques pré-datados de seus clientes.

São as empresas de factoring ou Fundos em direitos creditórios (FIDCs) que vão assumir a responsabilidade pelo recebimento futuro do valor dos títulos negociados, mediante uma taxa de deságio sobre esse valor.

Como funciona a antecipação de crédito?

O factoring adquire seus recebíveis futuros, adiantando imediatamente o valor que você receberia em um prazo maior. Para isso, é feito um deságio sobre o valor de face.

Vale lembrar que as instituições que oferecem esses serviços fazem uma análise de crédito das empresas envolvidas na operação. Importante: se o seu cliente não pagar o título transferido, a responsabilidade da dívida é da sua empresa, portanto a qualidade dos seus clientes é um fator importante.

Quando devo contratar?

Essa modalidade é uma ótima alternativa para empresas que precisam de capital de giro para cobrir despesas imediatas ou que venderam seus produtos e serviços com prazos maiores do que suas despesas internas no momento.

Por exemplo: uma empresa que realizou suas vendas com prazos de 60 ou mais e precisa pagar seus fornecedores e funcionários em 30 dias, irá necessitar de recurso em caixa para bancar essas operações até receber o que vendeu.

Essa medida deve ser usada com cautela para não se tornar a forma de operação comum da sua empresa. Monte uma projeção detalhada de fluxo de caixa para saber se o valor antecipado fará falta no futuro. Não opere usando a antecipação de recebíveis como um “tapa buracos” frequente, mas sim de forma estratégica para o seu negócio.

É a mesma coisa que empréstimo?

Não, empréstimo bancário e antecipação de crédito são operações diferentes. O empréstimo é a concessão de um determinado valor, que será pago com juros em um prazo estipulado pela instituição financeira que o concede. A taxa de juros é fixa e geralmente superior a antecipação.

Com a antecipação você vai comprometer um dinheiro que já irá receber e as taxas geralmente são menores. Faça uma pesquisa cuidadosa para encontrar o melhor para o seu negócio.

Ficou interessado? Converse com os nossos consultores sobre as condições desse serviço para a sua empresa.

Postagens Recentes

Deixe um comentário

Digite a sua pesquisa e pressione Enter para buscar

5 erros que podem ser fatais para o próprio negócio4 formas de usar o factoring ou o FIDC no seu negócio